07

O que é a fadiga crônica?

 

A síndrome da fadiga crônica é uma condição na qual o indivíduo sofre com uma fadiga extrema e constante aparentemente sem explicação. Os sintomas desta patologia pioram com as atividades físicas e mentais e mesmo depois de dormir ou repousar, o paciente não apresenta melhoras.

Esta síndrome é muito confundida com Fibromialgia e Transtornos do humor, como Distimia ou Depressão, pois todos estes estados clínicos cursam com sintomas semelhantes já que decorrem de uma mesma resposta inadequada ao estresse.

Alguns dos sintomas associados são:

  • Cansaço físico e mental persistente;
  • Alterações de sono;
  • Concentração reduzida;
  • Oscilações de humor, tendência a desânimo e falta de vontade ou iniciativa;
  • Alterações do apetite e peso;
  • Disfunções sexuais;
  • Dores crônicas;
  • Alterações de imunidade, como alergias, infecções recorrentes ou até desenvolvimento de doenças autoimunes.

O estresse é uma reação fisiológica do nosso corpo a uma ameaça, e para se adaptar, libera diversas substâncias, como hormônios e neurotransmissores. No entanto, o estresse crônico leva a uma resposta disfuncional, causando elevação ou redução dos hormônios e neurotransmissores envolvidos, geralmente associados a disposição e bem estar. E aí uma cascata de reações e sintomas se inicia.

Por isso, para tratar a fadiga crônica, é necessário reestabelecer o equilíbrio metabólico e avaliar as possíveis causas que geraram o estresse crônico.

Isso envolve ajuste da alimentação, limpeza de toxinas, infecções e alergênicos; exercícios físicos regulares, práticas de yoga e meditação, equilíbrio energético, bem como suplementação individualizadas para cada caso.

A fadiga é um estado e tem tratamento, portanto, busque ajuda profissional!